Para quem não está familiarizado com os conceitos de Arquitetura de Informação e de Inbound Marketing, a persona é uma personagem fictícia com base em dados reais que representa um conjunto de utilizadores de um website, com comportamentos e necessidades semelhantes. Cada website deve ser construído a pensar num número limitado de personas. Qual o fundamento? Podermos satisfazer melhor um grupo de pessoas indo ao encontro das suas necessidades de informação e das tarefas que têm de desempenhar.Qualquer cliente quer tornar o seu website acessível a todos mas agradar a gregos e a troianos não é possível.  Quem vai desenvolver o website deve começar por averiguar quem serão tipicamente os seus utilizadores e quais os seus objetivos.

A Arquitetura de Informação é uma parte extremamente importante na criação de websites mas muitas vezes negligenciada, que compreende a criação de categorias de informação numa estrutura coerente, que a maioria das pessoas possa compreender rapidamente.

A expressão Arquitetura de Informação é recente, criada por Richard Saul Wurman, fundador das conferências TED.

Para gerar essa estrutura, estudam-se os perfis com os seus dados demográficos, comportamentos online, motivações e preocupações ou frustrações. Um ponto fundamental a saber: devemos conceber as categorias a pensar no utilizador e não nas preferências do cliente.

Criar Personas

No início de um projeto é preciso fazer a análise de tarefas que o utilizador tem de realizar e conceber cenários de utilização do website, assim como criar o mapa do site.

É neste contexto que surgem as personas, que representam os arquétipos dos utilizadores do website em função das quais vai trabalhar a equipa de desenvolvimento.

  • Os Arquitetos de Informação desenvolvem os layouts das páginas do website com wireframes, estudam os comportamentos de interfaces, categorias e navegação.
  • Os Web Designers definem o look and feel do website, pesquisam formas de dispor os elementos visuais de forma a atingir os objetivos do negócio
  • Os Desenvolvedores Web escolhem as abordagens técnicas mais indicadas, de acordo com os recursos e objetivos do cliente.
  • Os Estrategas, Editores de Conteúdo e Copywriters definem estratégias de conteúdos, fazem o levamento dos elementos de texto e imagem disponíveis em função das páginas e artigos a publicar e definem o tom adequado para o website.

Como definir as Personas

O processo de definição das personas inclui a pesquisa de quem são os utilizadores e quais os temas do seu interesse e características outras específicas em várias fontes. De forma resumida, seguem-se alguns passos

  • Realização de um brainstorming sobre os utilizadores do website e clientes, para recolher ideias sobre as possíveis personas
  • Elaboração de entrevistas ou questionários a clientes ou potenciais clientes
  • Estudar as características em busca de padrões para criar em personagens fictícias coerentes até chegar a 3-5 personas no máximo
  • Tornar essas personas mais reais, com uma descrição numa ficha, foto, dados, citações

O que deve incluir a descrição da Persona

  • História da pessoa
  • Gostos e interesses
  • Dados demográficos, como idade, sexo e ocupação
  • Objetivos relacionados com a solução apresentada pela empresa
  • Necessidades
  • Frustrações
  • Tarefas a executar no website

A criação de personas é um método popular de compreender as necessidades de quem utiliza o website e, dessa forma, melhorar a experiência do utilizador (User Experience). Ao identificar os principais utilizadores típicos do website é mais fácil criar e organizar os conteúdos que interessam aos utilizadores reais.