Celebra-se hoje o Dia Internacional da Internet Segura  com o lema “Juntos podemos fazer uma Internet melhor”, promovendo o uso responsável e seguro das novas tecnologias em todo o mundo alertando para a necessidade das pessoas se manterem protegidas na Web. Veja o infográfico em detalhe e siga alguns conselhos simples para aumentar a sua segurança.\r\n\r\nEm Portugal realizam-se mais de 600 ações sobre a utilização segura da Internet, entre 11 e 28 de fevereiro em todo o país dinamizados pelo Centro Internet Segura, projeto coordenado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. Neste momento, está a decorrer um passatempo que consiste na criação de um vídeo alusivo ao tema “Juntos Vamos Criar uma Internet Melhor.” Os trabalhos deverão ser publicados no período de 10 a 14 de Fevereiro de 2014 e o respectivo link enviado para o email: linhaajuda@internetsegura.pt.\r\n

Segurança em todos os dispositivos móveis

\r\nDe acordo com o relatório “Consumer Security Risk”, realizado pela B2B International e pela Kaspersky Lab, existem riscos multi-dispositivo e nem todos os utilizadores têm consciência deles.\r\n\r\nOs europeus acedem aos seus perfis nas redes sociais a partir de qualquer dispositivo: 67% dos utilizadores através do PC, a mesma percentagem usa o tablet e 66% também recorre ao smartphone. Apesar de habituados que estamos às redes sociais, 28% dos utilizadores não antevê qualquer perigo, embora 14% confesse já ter caído na armadilha de clicar em links perigosos provenientes da conta de algum contacto atacado, com todas as consequências que daí advêm.\r\n\r\nNa realidade, 47% dos europeus admite que não tem a certeza de saber reconhecer quando um dos seus contactos nas redes sociais foi atacado. No que diz respeito à partilha de conteúdos, 17% dos europeus reconhece que partilha mais informação do que devia. O Facebook é a rede em que os europeus se sentem menos seguros (78%), seguida do Twittter (35%) e Linkedin (14%).\r\n\r\ninfografico seguranca\r\n\r\nNa realidade, o perigo pode surgir em qualquer uma das redes sociais, se não forem tomadas medidas de precaução adequadas. Seguem-se alguns conselhos da Kaspersky, para ajudar o utilizador a pensar na sua segurança quando navega na Internet:\r\n

Dicas de segurança nas redes sociais

\r\n

    \r\n

  1. Nas redes sociais, aceite como amigos ou seguidores apenas pessoas conhecidas
  2. \r\n

  3. Tenha cuidado com as fotos que publica
  4. \r\n

  5. Configure as opções de privacidade de acordo com o uso que pretende fazer.
  6. \r\n

  7. Descarregue informação, música, aplicações ou qualquer tipo de ficheiros apenas a partir de sites de confiança.
  8. \r\n

  9. Não abra em circunstância alguma links procedentes de utilizadores desconhecidos.
  10. \r\n

  11. Ignore as mensagens de spam e SMS relacionados,  encripte os dados e documentos confidenciais, evite o “jailbreak” ou “rooting” de smartphones iOS e Android.
  12. \r\n

  13. Esteja sempre atento aos seus dispositivos móveis (não os perca de vista) e defina passwords de acesso.
  14. \r\n