Objetivos de Marketing

\r\nComo em tudo na vida, para chegarmos a algum lado é preciso saber o que queremos alcançar. Como dizia Séneca, “quando se navega sem destino, nenhum vento é favorável” e no marketing digital esta máxima também se aplica. Uma das metodologias que nos podem ajudar a definir objetivos para a nossa presença online é a SOSTAC, para analisar a Situação, Objetivos, Estratégia, Táctica, Ação e Controlo.\r\n\r\nHarden e Heyman (2009) referem que antes de iniciar qualquer investimento em ações isoladas, como o email marketing ou o redesenho do website, as empresas precisam de clarificar os objetivos e o retorno esperado do investimento online.\r\n\r\nSegundo os autores, a web é eficaz para alcançar aqueles objetivos a que denominam de modelos de ROI: de construção da marca, geração de leads, comércio eletrónico, apoio ao cliente, pesquisa de mercado, buzz marketing e serviços de publicação de conteúdos na web. O meio digital permite ainda obter estatísticas em tempo real, o que tornamais fácil de quantificar metas e avaliar o impacto da estratégia de comunicação com o mercado (Carrera, 2009).\r\n\r\n

Sistema SOSTAC na definição de objetivos de Marketing

\r\n\r\n\r\n\r\nA definição dos objetivos a que se propõe cada empresa integra uma fase do planeamento estratégico e uma das metodologias mais utilizadas no marketing é o sistema de planeamento SOSTAC criado por Paul R. Smith, nos anos 90. Este processo é usado por empresas em todo o mundo, desde as mais importantes multinacionais cotadas em bolsa a pequenos negócios, muito devido à sua simplicidade. Para auxiliar na criação de um plano de marketing, este sistema engloba seis elementos essenciais: Situação, Objetivos, Estratégia, Táctica, Ação e Controlo.\r\n\r\n

Situação

\r\nNa análise da situação, é preciso avaliar em que ponto a empresa se encontra, quais as suas vantagens competitivas, como avaliam a eficácia do Marketing Mix, do plano de comunicação e dos canais de distribuição e, principalmente, quais os desafios com que se depara.\r\n\r\n

Objetivos

\r\nNos Objetivos, define-se para onde a empresa quer ir, qual a sua missão, valores e objetivos de marketing a atingir, sem esquecer de fazer o teste SMART, para avaliar se os nossos objetivos são específicos, mensuráveis, exequíveis, realistas e com prazos definidos.\r\n\r\n

Estratégia

\r\nAs questões de Estratégia: prendem-se com a questão «como vamos chegar aos nossos objectivos» para definir qual é o nosso posicionamento como marca e como vamos dividir o mercado para adequar a comunicação aos nossos públicos.\r\n\r\n

Táctica

\r\nNo plano táctico, estabelecem-se os detalhes da estratégia a seguir num planeamento das ferramentas de comunicação ao dispor das empresas, a mensagem a transmitir, o tom da comunicação e da interação com os clientes ou potenciais clientes e sua integração nos vários canais. Para todos estes elementos é preciso saber qual é o orçamento e quais os recursos disponíveis na organização, porque não se fazem omoletes sem ovos.\r\n\r\n

Ação

\r\nA Ação corresponde a colocar o plano em prática, definir quem faz o quê, os timings das campanhas, as medições estatísticas no decorrer de cada acção co os indicadores mais adequados, entre outras atividades.\r\n\r\n

Controlo

\r\nO Controlo refere-se a medir, monitorizar, rever, atualizar e modificar a atuação da empresa porque só se consegue gerir o que se consegue medir. Esta fase é extremamente importante e deve ser encarada como um processo natural e contínuo. Muitas vezes existe o medo de avaliar, mas só assim é que se aprende e corrigem erros ou situações que não estão a funcionar corretamente. Uma das conclusões da minha tese de Mestrado «Marketing na Internet para PME: A contribuição das ferramentas online para a performance empresarial» é que as empresas, principalmente as PME, não estão muito familiarizadas com as ferramentas para de web analytics para as suas ações na Internet. Os resultados indicam que ainda há muitas possibilidades de desenvolvimento ao nível de tratamento estatístico dos suportes digitais, nesta que é uma das grandes vantagens do marketing na Internet, referida por vários autores.\r\n\r\nDe uma forma geral, os dados indiciam que a característica da mensurabilidade é bastante negligenciada pelas empresas, o que poderia também contribuir para melhorar o nível de satisfação das empresas quanto à utilização do marketing na Internet. Desta forma, fica a questão: como podemos exigir resultados se não estabelecemos objetivos concretos e bem definidos, seguindo de uma visão estratégica, planeamento, execução, medição e reajustamento? É quase como querer ganhar o Euromilhões sem jogar.\r\n\r\n\r\n\r\n

Qual é a sua opinião sobre o assunto?

\r\n\r\n